14/03/2013 Unilever investe R$ 500 milhões em marketing

O objetivo da empresa é avançar para 35% de participação de mercado em 2015.

A afirmação é de Andrea Salgueiro Cruz Lima, vice presidente de cuidados pessoais da Unilever. Para este ano, a multinacional — dona de 31,6% do mercado de produtos para cabelos no país, com as marcas Seda, Dove, Clear e Tresemmé –, pretende lançar 70 itens ou versões dos já existentes. A Unilever lança o 51º produto da linha Tresemmé, o reparador de pontas Tresemmé Split Remedy. Também coloca no varejo um produto com a mesma função da marca Dove.

"A brasileira é obcecada pelo cabelo e tem o hábito de frequentar o salão para fazer escova, coloração, alisamento, chapinha, e o saldo é um dano profundo. A linha Tresemmé traz a solução da recuperação da qualidade do cabelo, em casa", diz a executiva. Segundo ela, a empresa, que pesquisou em profundidade os hábitos das brasileiras, descobriu que mais da metade delas gosta de ter cabelos lisos e compridos – a qualquer custo.

No ano passado, as vendas da Unilever no mercado brasileiro de produtos para cabelos cresceram 36%, puxadas pelo lançamento de 80 produtos ou versões. A Unilever ganhou 18% de participação de mercado, considerando a soma de todas as suas marcas para cabelos.

Concorrência

A gigante anglo-holandesa disputa mercado com a multinacional americana Procter & Gamble, que no país tem um portfólio enxuto de 24 marcas, a maioria no segmento de higiene pessoal e beleza. No segmento de cabelo, tem além de Pantene, as marcas Head & Shoulders e Wella. Outra concorrente direta no segmento é a francesa L'Oréal, dona das marcas Elseve e Garnier, que pretende iniciar a construção de um centro de pesquisas na Ilha do Fundão, zona norte do Rio, segundo informou ao jornal Valor Econômico em setembro passado.

O segmento movimentou R$ 4,8 bilhões no Brasil em 2012, o que coloca o país atrás apenas dos mercados dos EUA e Japão.

Fonte: Valor Econômico