19/03/13 Unilever tenta reverter proibição da venda dos produtos Ades

Segundo empresa, apenas 96 unidades do suco de maçã tiveram problemas. Anvisa, no entanto, suspendeu a distribuição de todos os lotes produzidos na fábrica de Pouso Alegre

REDAÇÃO ÉPOCA, COM AGÊNCIAS

Enviar por e-mail
|
Imprimir
|
Comentários
Produtos da marca Ades (Foto: Divulgação)

A Unilever Brasil, empresa responsável pelos sucos Ades, anunciou nesta segunda-feira (18) que está colaborando com as autoridades brasileiras para tentar revogar a proibição da venda do produto. "A Unilever está colaborando com o fornecimento de todas as informações necessárias para a revogação da interdição cautelar que possibilitará o retorno da fabricação, distribuição, comercialização e consumo" do suco Ades, disse a nota.

Nesta segunda, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu a fabricação, a distribuição, a comercialização e o consumo, em todo o território nacional, de lotes de produtos da marca Ades de uma linha de produção da fábrica da Unilever, em Pouso Alegre (MG). De acordo com a Anvisa, a medida foi tomada por suspeita de que os lotes não atendam a exigências legais e regulamentares do órgão.

>> Anvisa suspende fabricação e venda de produtos Ades

Segundo a Unilever, o problema de qualidade do produto foi detectado e informado ao público no último dia 13. Essa falhas se limitam apenas a 96 unidades de Ades do sabor maçã, de 1,5 litros, do lote AGB25, produzidas na linha TBA3G na fábrica de Pouso Alegre, e os demais sabores estão "em perfeita condição de uso".

A decisão da Anvisa, no entanto, proibiu a venda de todos os lotes dos produtos com os sabores de abacaxi, vitamina banana, cereais com mel, zero frapê de coco, chá verde com tangerina, zero laranja, chá verde com limão, zero maçã, chocolate clássico, zero original, chocolate com coco, zero pêssego, frapê de coco, zero vitamina banana, laranja, zero uva, maçã, laranja, manga, maracujá, melão, morango, uva, original, pêssego, shake morango.

Recall do suco Ades

Na semana passada, a Unilever anunciou recall de 96 unidades do suco Ades maçã de 1,5 litro fabricadas no dia 25/02/2013, do lote com as iniciais AGB 25. Segundo a empresa, houve uma alteração no conteúdo do envase devido a uma falha no processo de higienização, o que resultou no envasamento de solução de limpeza no lugar de suco.

De acordo com nota emitida pela Unilever, o consumo dessa substância pode causar queimaduras. O lote que sofreu alteração foi distribuído nos Estados de São Paulo, do Rio de Janeiro e Paraná. Na ocasião do anúncio do recall, a empresa pediu que os consumidores que estivessem de posse de sucos desse lote não consumissem o produto e entrassem em contato com a Unilever pelo telefone 0800 707 0044, das 8h às 19h, ou pelo e-mail Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

Fonte: http://revistaepoca.globo.com//Sociedade/noticia/2013/03/unilever-tenta-reverter-proibicao-da-venda-dos-produtos-ades.html

Em 19/03/2013