30/03/12 - Gastronomia é mercado potencial para agricultura familiar

Ainda pouco explorado pela agricultura familiar, o mercado gastronômico nacional cresce cada vez mais. Segundo o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) na Bahia, Luiz Amaral, o segmento realiza no país compras na ordem de R$ 300 bilhões por ano. Para despertar os produtores a esse viés do mercado, a Feira Coopmac Sebrae realizou na quarta-feira (28) a palestra “Acesso ao mercado gastronômico com produtos da Agricultura Familiar”.

 

Para Amaral, mesmo com uma produção que poderia ser encaminhada ao mercado gastronômico, a agricultura familiar não aproveita o potencial oferecido. “Precisamos que esses setores fiquem mais próximos, para que ambos se beneficiem”, disse. Segundo ele, para que isso ocorra é preciso profissionalizar a relação entre a pequena propriedade e os donos de bares e restaurantes. “Enquanto não se formar um vínculo empresarial, não conseguiremos avançar. A agricultura familiar precisa participar desse mercado de maneira mais justa. Quem ainda tem maior lucro é o atravessador”, explicou.

 

A Feira Coopmac Sebrae acontece até o próximo domingo (1º), no Parque de Exposições Teopompo de Almeida. São mais de cem estandes, com produtos e serviços de micro e pequenas empresas da Bahia, além de mais de 80 eventos oferecidos gratuitamente pelo Sebrae na Bahia. As inscrições podem ser realizadas no Ponto de Atendimento da instituição, na Rua Sete de setembro, 140, centro, ou no seu estande no evento.

 

Fonte: Sebrae Bahia