22/06/12 - Balada Responsável espera reduzir 25% dos acidentes



Com a meta de reduzir em 25% o índice de acidentes e mortes no trânsito em todo o Estado nos próximos anos, a operação Balada Responsável – agora transformada em programa estadual de governo, tutelada sob legislação – recebeu ontem o incremento de dez novas equipes de blitze, compostas por policiais militares e agentes do Departamento de Trânsito em Goiás (Detran/GO), que atuarão na Região Metropolitana de Goiânia todos os dias. Grupos que atuam no interior também estão sendo treinados para que a iniciativa seja levada para municípios que registram altos índices de acidentes.

A partir de agora, serão 225 pessoas trabalhando em 15 pontos da capital e da Grande Goiânia, simultaneamente. Para o presidente do Detran/GO, José Taveira Rocha, “a expansão da Balada Responsável foi possível graças à transformação da ação em programa de governo, conforme a Lei 17.662, publicada no Diário Oficial, no dia 15 de junho”. “Um dos entraves solucionados pela nova lei foi a autorização de pagamento de gratificação aos agentes envolvidos nos trabalhos”, ressalta o presidente.

 

Embriaguez
Assessor de comunicação da PM,o tenente-coronel Anésio Barbosa explica que o objetivo da operação Balada Responsável é mostrar os riscos da embriaguez ao volante e coibir a combinação entre álcool e direção. Ele conta que, além de aumentar o número de blitze nas regiões em que hoje elas se concentram, como setores Marista, Sul e Oeste – bairros com grande aglomeração de pessoas, sobretudo por conter vários estabelecimentos como bares, lanchonetes e restaurantes –, agora elas se estenderão para os bairros periféricos, onde darão a cobertura nas saídas de bares e boates. A intenção é que toda a capital e áreas próximas sejam monitoradas. (Taynara Borges)

Paralelamente aos trabalhos nas ruas, os agentes de trânsito e policiais militares percorrerão bares onde distribuirão folders e farão uma campanha de conscientização junto aos motoristas. Cadeirantes que adquiriram sequelas após sofrer acidentes de trânsito também participarão da campanha. Coronel Sebastião Vaz, diretor de operações do Departamento de Trânsito em Goiás (Detran/GO) essa fase de capacitação é necessária, devido ao diferencial da Balada. “É uma blitz diferente. Tem caráter educativo. O objetivo não é multar, mas orientar e conscientizar o condutor sobre os riscos de misturar álcool e direção”, pontua.

 

Interior
No interior, serão priorizados os municípios que possuem demanda turística, como os da região do Rio Araguaia, São Simão, Pirenópolis e, especialmente, Caldas Novas, e também os eventos esporádicos, como o Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica), na Cidade de Goiás de Goiás, e a Festa do Divino Pai Eterno, em Trindade, para onde os agentes já vão a partir de amanhã e permanecem até o encerramento, no dia 1º de julho. De acordo com o Detran/GO, atualmente existe 100 bafômetros em operação no Estado.

O investimento mensal previsto a partir de agora com a ação é de até R$ 350 mil. Em oito meses de atuação da Balada Responsável, mais de 57 mil pessoas foram abordadas; 1.591 CNHs foram retidas, cerca de 1.400 por embriaguez ao volante; e mais de cinco mil autos de infração foram registrados.

 

Fonte: Jornal O Hoje