13/03/12 - Copa ganhará reforço de 240 mil profissionais de turismo qualificados

 

alt

O Ministério do Turismo lançará, até o final de março, o ‘Pronatec Copa’ - um programa gratuito de qualificação, voltado para os profissionais das áreas de hospedagem, alimentação fora do lar, agências de viagens e outros setores do turismo.

A iniciativa faz parte das ações preparatórias para a Copa do Mundo de 2014. Na primeira etapa, serão 80 mil vagas, direcionadas para 32 atividades ligadas ao turismo nas 12 cidades-sede da Copa, entorno e em destinos de visibilidade turística internacional. Além da qualificação, os profissionais poderão, ainda, participar de cursos de inglês e espanhol.

Para se inscrever, o profissional fornecerá seu CPF e o CNPJ da empresa na qual trabalha. E a empresa deverá estar incluída no cadastro de prestadores de serviços turísticos do MTur, o Cadastur. As matrículas serão realizadas por meio do sitewww.pronateccopa.turismo.gov.br. O link também estará disponível nos sites das Secretarias de Turismo das cidades que receberão os cursos. Um sistema 0800 será disponibilizado para que os alunos tirem suas dúvidas em relação à inscrição.

Os cursos serão presenciais, de aproximadamente 160 horas/aula, e cerca de quatro meses de duração. Ao final, os alunos receberão certificados, e as empresas participantes receberão um selo oficial do governo, atestando que o estabelecimento fez parte da preparação para receber os turistas com mais qualidade.

“O Pronatec é o programa oficial de qualificação do Governo Federal. A ação de capacitação, desenvolvida com eficiência e experiência pelo Ministério da Educação, está sendo levada para o turismo nacional”, comemorou o ministro do Turismo, Gastão Vieira. “Nesta primeira etapa, 80 mil vagas serão disponibilizadas, incluindo o curso de idiomas. Outras 160 mil vagas serão abertas pelo programa em 2013 e 2014, totalizando 240 mil vagas”, complementou.

O Pronatec Copa e o Pronatec Idiomas são uma parceria entre o Ministério do Turismo e o Ministério da Educação. O Sistema S e os institutos federais, que possuem experiência na área de qualificação, serão os executores das aulas. A estratégia do MTur é aproveitar programas e ações setoriais já existentes, desenvolvidas com eficiência por essas instituições.

Além do Pronatec, o MTur apoiará a preparação de profissionais de serviços das cidades-sede. O foco serão os profissionais de segurança, como os policiais estaduais, civís e municipais, além de taxistas e motoristas de transporte turístico.

 

CONHEÇA OS 32 CURSOS OFERECIDOS

Pré-requisito: ensino fundamental incompleto- Auxiliar de cozinha; auxiliar de garçom; auxiliar de confeitaria; atendente de lanchonete; camareira; chapista; churrasqueiro; condutor de visitantes; copeiro; garçom básico; cozinheiro industrial; masseiro; mensageiro; monitor ambiental; monitor de recreação; padeiro; padeiro; confeiteiro; pizzaiolo; recepcionista; recepcionista de eventos; salgadeiro; sushiman.

Pré-requisito: ensino fundamental completo- Agente de informações turísticas; mestre de cerimônias.

Pré-requisito: ensino médio incompleto- Auxiliar de serviços de hospedagem; auxiliar de agenciamento de viagens; recepcionista em meios de hospedagem.

Pré-requisito: ensino médio completo- Bartender; condutor de turismo de aventura; organizador de eventos; sommelier; agente de viagens.

 

Fonte: DD Online